domingo, 12 de abril de 2015

A Igreja dos Pelados - a Origem

Irmão e irmãs, hoje nosso Templo Místico transformará a vida de cada um em uma glória salvífica. Quero que cada membro desta comunidade coloque agora cem reais nas nossas Arcas do Poder. Isto irmão, cem reais. Você aí, é você mesmo de camisa verde, pode voltar e pegar o excedente, é só cem reais. Isto mesmo... aleluia irmãos... aleluia... nosso Coral Celestial canta como os Anjos do Senhor, que está neste Templo, irmãos e irmãs.. aleluia...

Muito bem, agora, os que não tiveram a graça da misericórdia de ter cem reais para a Obra, por favor, peçam aos irmãos que possam emprestar - vejam bem, é para emprestar, não é doação de irmão para irmão. Que beleza... cante mais forte, Coral, que os anjos venham ao Púlpito louvar nosso Templo. Amém irmãos.. aleluia... aleluia...

Agora, aqueles que não conseguiram os cem reais emprestados venham à frente, por favor. Não se envergonhem irmãos, não se entristeçam, irmãs. É pela Obra. Venham, podem vir. Isto, que lindo. Veja, Igreja, estes irmãos e estas irmãs não tiveram a graça do Senhor de disponibilizar cem reais para a Obra. São ungidos, Igreja, são sangue do nosso sangue. Deus deu a eles uma nova oportunidade, a de conseguir um empréstimo para quitar seu débito com a Igreja, mas também não tiveram mais esta graça alcançada.

Que as mulheres deste grupo saiam pela porta penitencial da esquerda e os homens saiam pela porta penitencial da direita. Lá serão despidos e colocarão uma veste solta de algodão cru, e assim feito voltarão para a frente da Igreja. Lembrem-se - deverão estar puros, somente com o tecido sobre a pele. Agora vão, meus caros, que a purificação será a chave da libertação de vocês.

Agora subam no altar. Descalços por que este é um piso sagrado. Venham, podem subir. Olhem para o povo que clama por justiça. Veja, Igreja, estes irmãos não tiveram cem reais para a Obra, mas nossa Legião de Tribulação Telúrica, ao elevar as preces ao Alto para a purificação, viu cair, como que por encanto - pasmem, exatamente cem reais para cada um dos que não puderam contribuir. Como penitência, ficará toda a Igreja de costas e eles deverão retirar suas túnicas e ficarem nus.

Eu posso olhar, por que meus olhos são santos. Não virem ainda, Igreja, estão sendo purificados. Cada um está recebendo a sua nota de cem reais. Agora voltem ao aposento e vistam suas roupas. Agora, irmãos e irmãs, semana que vem faremos a Obra de duzentos reais.

Na semana seguinte ninguém levou dinheiro... 

É isto aí!

Nenhum comentário:

Postar um comentário