quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Odete, a rainha do alto meretríssimo

Quinta-feira, três horas da manhã e meu indefectível Nokia 2004 toca da maneira que sabe, aos berros e trinados histéricos. Entre sonhando e dormitando, o instinto o trouxe ao meu ouvido. Do outro lado da célula (por favor, lembre-se - quem tem linha é o fixo) estava Odete, a rainha do alto meretríssimo do Planalto Central, segundo se intitulou.

Querida, que surpresa agradável depois de meses sem ouvir sua voz, mas perdoa-me pela ousadia, o que vem a ser meretríssimo?

Humm, amorrr, é um neologismo pós-cafetino madrilenho, com essência free shop do baixo-planalto. Uma ação franciscana que só dá pro chico e larga o Francisco, se é que me entende... Enfim, melhor dar para o chico e bater com haste em todos os franciscos, destes que se acham capazes de transpor as águas turvas para uma populaçãozinha pobre e desqualificada.

Uau, Odete, percebi aí uma mudança de comportamento social. Está na ala da comissão chevroniana?

Mais que isto, amorrr, eu agora evito subir a serra dos canalhas e esquiar nas neves enlameadas só para ver o morro onde não moro. Enfim, deixei-me levar pelo destino de ser amante, e daí estou feito as aves do paraíso que não tecem nem fiam e nem Dom Fernando, o Amante Velho, em todo o esplendor de sua glória, vestiu-se como um deles.

Escuta, meu bem, eu acho - e por favor não me leve a mal - que você está confundindo as parábolas com a origem das coisas.

Ai, como você é bobinho. Pois tudo que isto que está aí é para isto mesmo. A Creuzinha, casada com meu ex-amante preferido e minha melhor amiga, me contou que ouviu da Margarida, que é sua namoradinha de fim de semana, que soube pela Belinha, casada com o Nestor, uma coisinha da Câmara Baixa, que lhe disse que escutou da Maristela, que é amante e confidente de alto escalão da secretária dos lacerdinhas da Câmara Alta de que toda esta zona repleta de golpes de Muay Thai é depressiva e radioativa. Segundo fontes seguras, eles têm treinado muito para este jogo onde só entram para jogar confundindo. Todo o time deles mente, trai, desvia, trapaceia, rouba mas a cara de pau é só para roubar a choldra, com estilo armani, meu bem, sem rádio, sem notícia, mas com glamour, claro.

Mas, Odete, todo jogo tem regras claras, não é Arnaldo? Tem juiz, bandeirinhas, mesários.

Ai ai, amoreco, como você é inocente. Adoro seu jeitinho pacífico feito um jornal nacional...

Caramba, Odete, isto tudo me deixou meio tonto...

Huummm, então aproveita a fase e vem terminar embriagado em mim às margens do Paranoá, vem, vem, vem logo...

Não sei ... pensando bem ... tum tum tum ... merda, caiu a ligação logo agora que eu iria dizer que esta doido para lambuzar do seu mel... ai ai!!

É isto aí!

Nenhum comentário:

Postar um comentário