sexta-feira, 17 de junho de 2016

Falo que escuta

- Armandinho, tenho um negócio sério prá te falar.

- Credo, Carminha, o que pode ser tão sério assim?

- É que falta uma coisa nova no nosso relacionamento, sabe - há um vazio se avolumando entre nossas existências.

- Coisa? vazio? Existência?

- Está vendo? Ao invés de refletir, fica aí repetindo o que falo. Eu quero uma coisa nova, Armandinho.

- Como assim? Poderia me dar uma dica? É na parte espiritual?

- Não, até que não - esta está até bem legal depois daquele negócio meio chines, meio javanês que você trouxe para dentro do nosso aconchego.

- É na parte de conversação, tipo "Falo que escuta"?

- Puta que o pariu, Armandinho - é isto. Um falo que escuta - falta isto. Gostei .. uau ... nossa ... um falo que escuta ...

- Ahn? Perdi alguma coisa? Carminha, que cara boba é esta? E estes olhos virados? Carminha ... fala comigo ...

- Bobinho ...

É isto aí!


Nenhum comentário:

Postar um comentário